Quinta do Mouro

Portugal

Alentejo

Estremoz

Miguel Louro

Fator XPTO: Quinta do Mouro vinhos singulares, únicos no mar Alentejano.

Situada dentro da cidade de Estremoz, a Quinta do Mouro destaca-se pela sua beleza e história e os excelentes vinhos que produz. Nos anos 70, estimulado pelo desejo de viver no campo, Miguel Louro aventurou-se na sua compra, reconvertendo-se assim um dentista em agricultor, longe ainda de imaginar que viria a ser um dos mais respeitados vignerons nacionais.

Nos anos 80, Miguel decidiu que havia de produzir o seu próprio vinho, dando início em 1989 à plantação de vinhas na Quinta do Mouro, com os primeiros seis hectares plantados à volta da casa, em terrenos xistosos e sem rega. A estreia da marca Quinta do Mouro ocorreu com uma colheita de 1994, um vinho sério, austero e com predicados para evoluir em garrafa. Em 1998, é produzido o Casa dos Zagalos, com a mesma filosofia, mas projetado para um público mais abrangente, seguindo-se em 2004 o Vinha do Mouro, uma entrada de gama que é lançada para corresponder às exigências do mercado mas mantendo os mesmos padrões de qualidade. A estes foram-se juntando ao longo dos anos vários monovarietais, “single vineyards”, o icónico Rótulo Dourado, os subversivos Erros e mais recentemente brancos de carácter muito próprio e atípico.

Atualmente a Quinta do Mouro tem quarenta hectares de vinha plantados, principalmente em solos xistosos, com foco nas castas Alicante Bouschet, Aragonez, Trincadeira, Touriga Nacional, Cabernet Sauvignon, Merlot, Petit Verdot e Petit Syrah, bem como várias castas brancas como Arinto, Alvarinho, Gouveio, Verdelho, Síria e Rabigato.

A filosofia é de que na vinha é onde tudo começa, e na adega os processos artesanais e minimalistas devem apenas respeitar esse trabalho da própria natureza. O saber da experiência e a vontade de se fazer cada vez melhor traduzem-se hoje no resultado final dos seus vinhos, mais frescos, elegantes e longevos do que nunca, únicos no mar Alentejano.

São seguramente o resultado da personalidade do produtor, da atenção, do carinho, da energia e do apego com que são tratados no dia-a-dia, numa vida dedicada à vinha e ao vinho, de muito empenho na inovação e na experimentação, cada garrafa enaltecendo, num casamento entre ciência e poesia, o magnífico terroir de Estremoz.

Contactos

Voltar