Amoreira da Torre

Portugal

Alentejo

Montemor-o-Novo

Paulo Sendin

Fator XPTO: Uvas de vinhas livres e sadias dão vinhos autênticos, sábios e únicos.

A história da Quinta da Amoreira da Torre começou há mais de 6’000 anos…
Deste passado longínquo há a anta megalítica e a torre quinhentista que dá nome ao vinho.
A história da vinha começa há um pouco menos tempo: em 2001 é decidido plantar a atual
vinha, 20 hectares com castas portuguesas da região. O terroir é caracterizado por solos
graníticos, lençóis freáticos abundantes e clima mediterrânico.
O primeiro vinho da Amoreira da Torre nasceu em 2003.
Em 2005, contrariando a tendência do sector, é tomada a decisão de converter a totalidade da
vinha e o vinho ao modo de produção biológico, tendo sido a primeira vinha no Alentejo a
certificar vinhos alentejanos biológicos na CVRA.
Desde 2005, a vinha e todos os vinhos da Amoreira da Torre são certificados como bio.
Paulo Sendin e a sua irmã Rita são os proprietários que iniciaram esta história.
O Paulo é o responsável pelos vinhos, pela adega e pela vinha, foi com esta vinha e com estas
uvas que aprendeu a fazer vinho.
E aprendeu rapidamente que o segredo do bom vinho está na natureza e na vinha que
produziu as uvas livremente, muito mais que na adega ou na vaidade do enólogo.

Contactos

Voltar