Adega Regional de Colares 2018-02-05T00:48:33+00:00

Adega Regional de Colares

Portugal

Colares

Francisco Figueiredo

Fator XPTO: Adega Regional de Colares, desde 1931 a produzir vinhos temperamentais e os mais Ocidentais da Europa Continental!

Limitada a Oeste pelo oceano Atlântico e a sul pela serra de Sintra, Colares é Denominação de Origem Controlada desde 1908, a região Demarcada mais ocidental da Europa Continental e a mais pequena região produtora de vinhos tranquilos do país.
Os métodos de cultivo são muito peculiares: o engenho do Homem permitiu a adaptação da cultura (desde o Séc. XIII) às condições extremas que se fazem sentir. As videiras são plantadas em pé-franco em solos arenosos profundos, sem cócegas de filoxera. Castas autóctones e exclusivas: a tinta Ramisco e a branca Malvasia de Colares. Forte influência Atlântica, na ponta mais ocidental do Continente Europeu com ventos fortes e salgados que condicionam a produção! A que se somam, nevoeiros e neblinas, numa região que apresenta um dos mais baixos índices de insolação estival em Portugal.
Menos positivo, a batalha constante contra a perda de terreno devido à especulação imobiliária.
Viticultura irracional? Um paradoxo? Sim. Felizmente nem todo o Mundo Vitícola se encontra escrito a preto e branco!
Na Adega Regional de Colares, como Adega Cooperativa local, dá-se grande importância à protecção e preservação da Cultura do Vinho de Colares, às suas castas únicas e aos seus métodos de cultivo originais. A filosofia enológica assenta no imperativo respeito pelo terroir de Colares, dando continuidade ao trabalho das gerações anteriores. Produzem-se vinhos temperamentais do Velho Mundo Vitícola!

Contactos

Voltar